Os principais desafios na gestão de compras das empresas

Tempo de leitura: 3 minutos

Desafios são, sem dúvida, o que move o ser humano. Seja na vida pessoal, seja no trabalho, todos buscam se superar. Em determinadas profissões, vencer os obstáculos é ainda mais necessário. É o caso dos profissionais que atuam em gestão de compras.

Esse setor é estratégico para as companhias, já que fazer boas negociações na aquisição de insumos é essencial para manter as finanças equilibradas e a operação em funcionamento. Alguns desafios dessa área podem, contudo, dificultar o trabalho do gestor.

Trata-se de um cenário complexo, em que é preciso saber quais são os principais contratempos que podem surgir para, então, ser capaz de evitá-los. Quer conhecer mais sobre esse assunto? Então, continue a leitura!

Acompanhar o fluxo de consumo

A movimentação de mercadorias (entrada, saída, realocação, troca ou devolução) requer registro e acompanhamento constantes. Sem isso, podem ocorrer extravios e perdas que elevam consideravelmente os custos da operação. A falta de avaliação desse fluxo pode:

  • levar a compras em excesso, o que aumenta custos operacionais e compromete o capital de giro com itens desnecessários;
  • causar rupturas e fazer o índice de atendimento de pedidos cair (o que causa insatisfação nos clientes) se forem compradas quantidades abaixo do necessário.

Por isso, acompanhar esse fluxo é essencial para determinar o nível adequado de reposição. A partir dele, as compras podem ser feitas de forma a evitar tanto a falta quanto os excessos.

Fazer classificação e controle do estoque

A gestão de compras está diretamente relacionada com o gerenciamento do estoque, afinal, é preciso que ele seja compatível com a demanda da empresa. Por outro lado, é essencial manter os custos da companhia bem administrados e não investir em uma quantidade excessiva de produtos para que eles não fiquem parados.

Cuidar do relacionamento com fornecedores

O bom relacionamento com os fornecedores começa na escolha deles. Afinal, para ser bem-sucedida, uma companhia precisa dos parceiros certos. Encontrá-los, porém, requer muita pesquisa sobre reputação, qualidade, preços e assim por diante.

Depois de selecioná-los, é essencial ter um bom relacionamento com eles. Esse fator pode até influenciar os preços e os fluxos de entrega. Para manter esse relacionamento sempre produtivo, é preciso que falhas e riscos sejam tratados de forma a prevenir danos maiores.

Ter atuação estratégica

Cada vez mais o departamento de compras assume sua faceta estratégica. O gestor da área deve agir de forma a participar ativamente nas decisões da empresa e, ainda, aumentar a produtividade da equipe. Isso ajuda a empresa a alcançar os resultados pretendidos.

Buscar a redução de custos

Reduzir custos é uma meta cada vez mais presente nos planejamentos empresariais, afinal, a ideia é aumentar a lucratividade. Essa tarefa, no entanto, deve ser feita de forma programada, com base nos dados da operação para que seja realmente eficiente.

Buscar superar esses e outros desafios da gestão de compras é essencial para que a companhia seja capaz de alcançar as metas estabelecidas. O gestor deve estar atento aos processos para ser capaz de identificar falhas neles e agir para eliminá-las.

E você, como tem conduzido a gestão de compras na sua organização? Quer se aprofundar nesse tema? Então, continue com a gente e aproveite para conferir as habilidades que um gerente de compras deve ter para ser bem-sucedido na função. Boa leitura!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *