Por que a minha empresa precisa fazer uma gestão de custos?

Tempo de leitura: 3 minutos

A gestão de custos é um fator primordial na manutenção da saúde financeira de uma empresa e pode gerar inúmeros benefícios se realizada de forma constante e responsável. É por meio dela também que você evidencia eventuais falhas no processo administrativo e consegue determinar ações que possam melhorar a lucratividade da sua empresa.

No post de hoje trataremos dos benefícios gerados por uma gestão de custos eficiente, executada por meio de um planejamento responsável e treinamento de colaboradores para colocá-lo em prática.

Automatização de processos

Quando se gerencia custos é importante criar um roteiro de boas práticas e procedimentos padrão para todas as etapas do processo administrativo e financeiro da empresa. Com um plano enxuto e objetivo fica mais fácil e eficaz a execução das tarefas diárias dos seus colaboradores.

Para que isso ocorra garanta que seus funcionários sejam devidamente informados acerca das métricas que estão sendo utilizadas e exponha claramente como devem ser reduzidas ou ampliadas. Serão aplicadas diferentes metas para cada setor, porém todas com o mesmo objetivo: otimizar custo. A uniformidade de objetivo torna as ações mais eficientes e cria um vínculo de responsabilidade. Com o processo mais acelerado, o processo de aumento da capacidade produtiva se torna viável.

Descontos e promoções ao cliente final

Ao tornar a gestão de custos um hábito, os resultados podem ser colhidos já em um curto espaço de tempo, permitindo a criação de vantagens em relação à concorrência, como promoções e descontos ao cliente final.

Com a produtividade ampliada é possível multiplicar as vendas sem que isso pese no desempenho dos seus colaboradores e possa atingir margens de lucro muito mais significativas. Ganha a empresa por conseguir vender mais sem necessitar aumentar seus custos e ganha o cliente que recebe mais por menos.

Maior solidez financeira

Muitas companhias chegam à falência em decorrência da ineficácia ou inexistência de gestão de custos. Elas miram o faturamento sem calcular as despesas geradas. A equipe comercial vende o máximo que pode para atingir metas, mas nem sempre está a par da margem de lucratividade.

Gerir de modo inteligente a expansão das vendas reduz o risco dos custos de produção superarem o valor de comercialização do produto. Visto que você economizará com a contratação de novos funcionários, tendo como foco o investimento na orientação para otimizar sua produtividade, bem como automatização de processos.

Reconhecimento do mercado

A partir do momento que você produz mais e vende mais a sua marca ganha força no mercado e passa a ser reconhecida, ganhando maior credibilidade junto aos consumidores. A cada passo que dá para atender as necessidades desse público, os processos são aperfeiçoados e sua companhia caminha rumo a excelência.

Daí em diante sua preocupação será manter a qualidade dos produtos e serviços oferecidos, visto que esse é o principal objetivo da gestão de custos: oferecer produtos de qualidade ao menor preço viável com alta margem de lucro.

Gostou do nosso artigo? Deixe seu comentário sobre o que achou das nossas dicas. Não se esqueça de dividir conosco suas experiências na gestão de custos e como essas atitudes impactaram na sua empresa.