Entenda as funções da embalagem: muito além de proteger o produto!

Tempo de leitura: 6 minutos

Já há algum tempo as embalagens não são apenas para proteger, conter e permitir o transporte de produtos. Essas funções ainda são extremamente importantes e fundamentais para manter a qualidade das mercadorias, claro, mas você já parou para pensar sobre a importância da aparência para os consumidores?

Uma pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI) mostra que 75% das empresas que investiram em design tiveram aumento nas vendas de seus produtos. E nenhuma delas registrou queda na aceitação após melhorar o visual das mercadorias.

Assim, com um público cada vez mais exigente, informado e ativo, as organizações devem buscar constantemente por diferenciais. Nesse contexto, as embalagens são tão importantes para o consumidor quanto para a indústria de bens de consumo e para o varejo.

No post de hoje vamos apresentar as principais funções da embalagem e demonstrar que elas vão muito além da proteção dos produtos. Boa leitura!

Proteção do produto e de quem o manuseia

Esta é, talvez, sua função mais óbvia: servir como invólucro para a mercadoria que está envolvendo e protegê-la — garantindo sua integridade e até a salubridade de quem os manuseia, desde profissionais envolvidos no processo de produção até clientes, passando por todos que têm contato com o produto.

Assim, a embalagem deve ser escolhida e preparada para ser a mais adequada a essa necessidade individual de proteção (seja para contenção ou para abrigo) de cada item. Afinal, o consumidor quer praticidade, conveniência e adaptação às suas necessidades racionais e emocionais.

Conexão entre o consumidor e a marca

A forma como um produto é apresentado ao mercado é uma das principais maneiras de a companhia se comunicar com os potenciais consumidores. É por meio desse primeiro contato visual que um provável futuro cliente se informa sobre o produto, o conhece melhor e até decide comprá-lo.

Além da aparência, o consumidor também se atenta às funcionalidades e à praticidade da embalagem. Facilidade de uso, conveniência, segurança e conforto são sempre levados em consideração na hora de uma pessoa escolher um produto em relação aos concorrentes.

Comunicação e marketing

Bastante ligada ao marketing, a comunicação nas embalagens é a responsável por informar o público. Símbolos, impressões e cores ajudam o fabricante a revelar dados sobre a organização e o produto. Além disso, oferecem informações de contato para que o cliente procure a empresa se necessário.

A comunicação inclui, ainda, o código de barras. Essa tecnologia torna a atuação dos funcionários mais dinâmica e precisa, minimizando as chances de erros, reduzindo o retrabalho e aumentando a velocidade do processo de vendas como um todo.

Competitividade do produto

Hoje em dia, é comum que cada produto tenha, pelo menos, mais dois concorrentes diretos. E é possível que eles tenham preços próximos, desempenho semelhante e características muito similares. Então, resta à embalagem da mercadoria servir como seu diferencial.

É ela que vai atrair o potencial consumidor e, até, estabelecer um contato emocional com ele. Por isso, é fundamental que a embalagem chame a atenção do público-alvo mesmo estando no meio de vários outros produtos concorrentes. Isso é ainda mais importante no caso da indústria de bens de consumo.

Agregação de valor

A embalagem pode ser considerada uma materialização da marca no mercado e também pode ser um fator decisivo de fidelização do cliente. Por isso, ela deve ser condizente com o produto que oferece.

Isso é mais importante ainda no caso do varejo, afinal, a embalagem deve expressar e refletir o padrão de qualidade, os valores e os conceitos do produto. Ou seja, não adianta ter um item de qualidade se a embalagem dele não reforçar essa ideia ou não for coerente com ela.

Além disso, principalmente no varejo, toda a logística de transporte e distribuição da mercadoria nos pontos de venda deve ser pensada antes de definir a embalagem. Assim, durabilidade e resistência sempre devem ser levados em conta para que a embalagem traga valor à marca — e não chegue danificada aos pontos de venda.

Preocupação com a sustentabilidade

O meio ambiente tem sido, cada vez mais, uma preocupação da maioria dos consumidores. As pessoas estão mais atentas ao impacto das suas ações no planeta. Por isso, elas tendem a valorizar empresas que se preocupam com a natureza.

Quando a embalagem é adequada ao produto, o transporte e a distribuição são facilitados. Isso traz economia para a companhia, pois permite uma distribuição eficaz de mercadorias, o que ajuda a minimizar o uso de combustível e, consequentemente, a liberação de gás carbônico na atmosfera.

Plataforma de educação

Como as embalagens estão diariamente nas vidas das pessoas, podem ser uma plataforma de educação bastante abrangente. As informações escritas e visuais contidas nelas são acessíveis a todos — e muitas já vêm incorporando o braile como forma de promover a inclusão social dos deficientes visuais.

Promoções no pós-venda

Quem nunca comprou uma pizza que vinha com selos colecionáveis na embalagem? Esse tipo de ação tem se tornado cada vez mais comum e já está em diversos produtos. O apelo é tão forte que faz até o consumidor se sentir culpado quando esquece da promoção e joga a embalagem fora sem querer.

Interatividade

Com a chegada da realidade aumentada, muitas marcas passaram a aproveitar a tecnologia para interagir com o cliente usando a embalagem como intermediário. Alguns produtos têm trazido jogos interativos em 3D, vídeos ou informações extras em suas embalagens (que, em geral, são acessados com o auxílio de um app).

Modos de explorar as funções da embalagem

Já deu para perceber que usar a criatividade é fundamental na criação das embalagens, não é mesmo? Para ter certeza de que uma embalagem fará sucesso entre os clientes, porém, é preciso que ela facilite seu cotidiano e proporcione benefícios a ele. Veja alguns cuidados importante:

  • fazer pesquisas de opinião ajuda a organização a saber se embalagem agrada seu público consumidor antes de lançá-la no mercado;
  • criar embalagens com a quantidade certa de informação permite ter um invólucro mais atraente;
  • deixar claro os valores e conceitos dos produtos nas embalagens é fundamental para se conectar com o cliente;
  • fazer embalagens comemorativas e em casos de promoções especiais renova o sentimento do consumidor;
  • seguir a legislação específica é essencial, pois há padrões que devem ser respeitados (como dados sobre a quantidade e a composição dos produtos).

Oferecer bons produtos e explorar as funções da embalagem já são importantes passos para conquistar e fidelizar os clientes, bem como aumentar as vendas.

E então, já está preparado para aproveitar todas as funções da embalagem nos seus produtos? Entre em contato com a gente para expor suas dúvidas e saber como podemos ajudá-lo.

banner_ebook_02