Design de embalagem: como é feita a relação entre marca e embalagem

Tempo de leitura: 3 minutos

A apresentação de uma marca faz toda a diferença no seu desempenho de vendas. Se a imagem da empresa não for consistente e agradável para o público, é bem provável que ela fique perdida em meio às prateleiras. E uma forma de evitar esse tipo de problema é por meio do design de embalagens.

Investindo mais no recipiente dos seus produtos, você pode influenciar bastante a percepção da sua marca, o que, por sua vez, afeta o desempenho das suas vendas. Basta que você entenda como funciona essa dinâmica e como utilizá-la a seu favor.

Quer saber mais sobre o tema? Continue a leitura do nosso artigo!

Como ocorre a percepção de marca?

A percepção do público em relação à sua empresa e aos produtos depende bastante principalmente do seu posicionamento. De forma bem resumida, o posicionamento de marca representa o conjunto de fatores que você utiliza para diferenciar a sua empresa das demais.

Por exemplo, identificar seu e-commerce como “venda de alimentos congelados” é uma forma de identificá-lo em meio a várias outras lojas virtuais. Da mesma forma, seu design e sua identidade visual têm efeito aqui por meio das cores e das formas escolhidas.

Como o design de embalagem afeta essa percepção?

Em geral, a embalagem é o principal ponto de contato entre a marca e o comprador. Isso significa que ela tem uma grande responsabilidade no que diz respeito à primeira impressão gerada pelo produto.

Além disso, a grande quantidade de produtos disponíveis no mercado acaba gerando certos padrões de design esperados pelos consumidores. Uma embalagem de biscoitos ou toalha de papel, por exemplo, apresenta características recorrentes entre diferentes marcas, tornando o produto fácil de reconhecer. É importante atender a essas expectativas, mas ainda adicionar algo que diferencie seu design dos demais.

Como posso transmitir mais valor por meio da embalagem?

Comunique sua mensagem diretamente

Seu produto é um biscoito doce? Um desinfetante? Uma pasta de dente? Deve ser usado em pequenas doses? É melhor quando levado na bolsa ou mochila? Ele transmite tranquilidade e paz? Ou animação e energia?

Se você tem um propósito específico para o seu produto, o melhor que pode fazer é transmiti-lo no design de embalagem. Isso ajuda a atrair os clientes que já estão mais interessados, além de estimular uma reação específica no público.

Reforce o brand awareness

Ter uma marca facilmente reconhecível, independentemente do local ou do contexto, faz uma grande diferença. É o caso da maçã da Apple ou do “M” do McDonalds. Independentemente de quase qualquer coisa, você pode identificá-los facilmente. E essa percepção é reforçada nas embalagens.

Se o cliente já tem alguma experiência prévia com seus produtos e reconhece sua marca, encontrá-la em uma prateleira pode ser o suficiente para uma rápida decisão de compra. Em pouco tempo, isso pode render muito mais vendas.

Adapte a embalagem ao tipo de função

Pacotes de biscoito são largos para que a mão possa pegar a comida facilmente e também são feitos de materiais descartáveis, para serem facilmente jogados fora após o uso.

Garantir que o design, a marca e a funcionalidade estejam de acordo não é só uma questão ergonômica, mas também uma maneira de melhorar a experiência do cliente e, aos poucos, fidelizá-lo.

Agora você entende um pouco melhor como o design de embalagens afeta o desempenho da sua marca. Quer se aprofundar mais no assunto? Então leia nosso artigo sobre como a embalagem afeta a experiência do cliente. Temos certeza de que será de grande ajuda para o seu trabalho!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *