Conheça os usos da embalagem a vácuo na indústria alimentícia

Tempo de leitura: 3 minutos

A indústria alimentícia requer uma série de protocolos e cuidados que devem ser observados rigorosamente visando a manutenção e conservação dos produtos comercializados.

As embalagens dos alimentos devem ser, além de atraentes ao consumidor final, com logos e design perfeitos, igualmente práticas e funcionais.

Com uso crescente na indústria alimentícia, a embalagem a vácuo chegou pra ficar nesse segmento de mercado.

Descubra, nesse post, as principais aplicações da embalagem a vácuo, bem como as vantagens para a empresa e para o consumidor final.

O que é a embalagem a vácuo?

Embalagem a vácuo é um método de embalar que retira do interior do invólucro todo o ar existente. Este procedimento garante que o produto permaneça sem contato com o ar e outras matérias, através de uma selagem segura e eficiente que proíbe o ar retirado de retornar para dentro da embalagem.

Quais as principais aplicações da embalagem a vácuo?

Muito utilizada na indústria, especialmente a alimentícia, pois atua diretamente na conservação dos alimentos que por estarem isolados do contato com o ar, permanecem intactos e preservados por mais tempo.

Pode ser utilizada na embalagem de muitos alimentos como: carnes, frios, massas, cafés, erva-mate, queijos, cogumelos, palmitos, legumes, futas, salgados, pizzas, etc.

Quais os benefícios da embalagem a vácuo?

Todos os alimentos que possuírem a embalagem a vácuo terão a vida útil prolongada, em função do isolamento com o ar e, consequentemente, com micro-organismos, fungos e bactérias.

Não apenas a validade é elastecida, como também a qualidade em si dos alimentos é melhor preservada. Assim, textura, sabor, cor, frescor e apresentação são mais evidentes em alimentos conservados nesse tipo de embalagem.

Quais as vantagens para a empresa?

A empresa que utiliza embalagem a vácuo conserva melhor seus produtos tornando-os mais atraentes aos olhos do consumidor.

Esses produtos também ficam mais visíveis, já que as embalagens normalmente são transparentes, o que aguça o desejo na hora da compra.

Todo o manuseio do produto se torna mais seguro, pois o isolamento produzido evita a contaminação, ou seja, maior segurança e higiene!

O aumento da vida útil dos alimentos é extremamente interessante para a empresa uma vez que evita os desperdícios no estoque, e as perdas no transporte e na comercialização. Nesse sentido, até mesmo o alcance de distribuição dos produtos é sensivelmente aumentado.

Outra vantagem interessante é que os produtos que possuem a embalagem a vácuo não sofrem com o processo de evaporação, permanecendo com o mesmo peso até o cliente final.

Quais as vantagens para o consumidor final?

Num mercado cada vez mais exigente e preocupado com questões nutricionais produtos de qualidade que demonstrem preocupação com a conservação dos alimentos, tanto no quesito de conservação, como na própria manutenção dos nutrientes essenciais, certamente terão a preferência do consumidor.

Ademais, a embalagem a vácuo assegura menor desperdício e maior economia, já que possibilita o fracionamento dos produtos em porções menores que poderão ser consumidas em uma única vez, atendendo inclusive as pessoas que moram sozinhas.

Um outro benefício bastante atrativo é o fato de que esse tipo de acondicionamento pode reduzir ou até mesmo eliminar o uso de conservantes.

Resta evidente depois de todos os aspectos mencionados que a embalagem a vácuo é uma técnica importante a ser introduzida na comercialização de produtos alimentícios e, por isso, é imperiosa e imprescindível a necessidade de contratar uma empresa qualificada para cuidar do fornecimento desses materiais.

Comente nesse post se você ficou com alguma dúvida sobre o uso da embalagem a vácuo!