5 ideias criativas para embalagens

Tempo de leitura: 3 minutos

A embalagem é um dos principais pontos na comunicação entre produto e cliente. Por meio dela, o indivíduo é engajado, interage com a marca e, se tudo der certo, efetua a compra. Ideias criativas para embalagens podem, além de otimizar os números de uma empresa, fortalecer a sua imagem.

Combinar inovação, qualidade e praticidade é um grande diferencial. A embalagem precisa estar alinhada aos perfis do produto, da marca e do cliente, e apresentar alguma inovação. Dessa forma, o tempo de permanência nas prateleiras é reduzido, uma vez que o olhar do consumidor é atraído.

Neste post, listamos 5 ideias criativas e funcionais para fazer a sua embalagem se destacar:

1. Invista em uma embalagem realista

Qualquer empresa de suco estabelece a premissa de que o seu produto é fresco, mas, como destacar-se em meio a esse cenário? Adicionar elementos visuais da fruta na embalagem é uma maneira de obter a atenção do cliente e passar a ideia de que aquele suco possui ingredientes naturais.

A estratégia consiste em imitar a cor e textura dos frutos nos rótulos. Dessa forma, passa-se uma mensagem de que o suco é, de fato, fresco.

2. Garanta a praticidade de uso do produto

Uma criativa ideia para embalagens de manteiga é a invenção do designer coreano Yeongkeun, que substituiu a tampa por uma ferramenta em forma de faca. Dessa forma, o cliente pode utilizar o produto com o auxílio de um objeto oferecido pela própria empresa.

O acessório atribui praticidade à embalagem e, assim, o consumidor é atraído pela utilidade. Pensar no uso do rótulo é uma estratégia criativa fundamental, uma vez que a maioria deles são automaticamente jogados no lixo após o consumo.

3. Inove no formato da embalagem

Para muitos entendedores de vinho, ou apenas apreciadores, o elemento amadeirado faz parte do universo da bebida. Enólogo ou não, uma embalagem da garrafa em formato de tronco de árvore certamente atrairá a atenção do cliente.

A estratégia consiste em dar formato ao rótulo, de maneira literal e personalizada, a partir de uma característica do produto oferecido. O mesmo pode ser aplicado em diferentes casos, como iogurtes com sabores de fruta (embalagens em forma dos frutos), sucos etc.

4. Dê elementos naturais à embalagem

Caso seja interessante para a marca, atribuir características naturais à embalagem, diminuindo o aspecto industrial, é uma boa dica criativa.

A polonesa Maja Szczypek inventou uma embalagem de ovos com a utilização de feno, o mesmo material que as galinhas constroem os seus ninhos. Dessa forma, há uma diferenciação e simplificação do rótulo, fazendo com que ele retorne a uma concepção mais natural.

Além disso, o feno apresenta-se como material mais ecologicamente responsável do que o papelão, o que induz práticas ambientais mais equilibradas. Além de ajudar o meio ambiente, a empresa pode, ainda, passar ao público a impressão de ter ações conscientes.

5. Crie embalagens que passem credibilidade

Muitos consumidores podem deixar de adquirir o leite de soja por não o conhecerem ou desconfiarem se ele realmente é bom, por exemplo. Em teoria, o produto pode parecer diferente ao já tradicionalmente utilizado leite de vaca. Foi pensando em comunicar-se com esses clientes que a agência KIAN criou uma embalagem especial.

O conceito parte da ideia de reproduzir, literalmente, a parte inferior do animal, com mamas e patas. Dessa forma, passa-se a mensagem de que os sistemas de produção do leite de vaca e de soja não são tão diferentes.

É importante que qualquer abordagem de embalagem busque, além de atrair o olhar do consumidor, solucionar possíveis problemas e dúvidas do público com aquele produto.

Sentiu-se inspirado com as ideias criativas para embalagens? Então compartilhe em suas redes sociais essas dicas!

banner_ebook_02